Saúde ocular

Saúde Ocular

Muitas vezes só damos a devida importância aos cuidados com a nossa saúde quando há algo errado – e com a saúde da visão não é diferente.

Mas cuidar da nossa visão de forma constante é fundamental. Já pensou como seria viver sem enxergar? Como ficariam comprometidas suas atividades como andar, ler, trabalhar e se locomover, isso sem falar nos momentos de lazer com os amigos e a família...

A prevenção tem papel fundamental na saúde ocular, fortalecendo o organismo. Mas o que precisa ser feito para manter a saúde ocular em dia? Uma alimentação rica em nutrientes como vitaminas, luteína, zeaxantina e ômega 3, por exemplo, somada a visitas médicas periódicas são algumas das medidas mais importantes!1

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), 80% de todos os casos de cegueira no mundo poderiam ser curados ou prevenidos. Isso se a saúde ocular fosse priorizada e o acesso a cuidados e tratamentos fossem acessíveis por aqueles que precisam.2

A importância dos nutrientes

Os alimentos ricos em vitaminas, minerais, antioxidantes e ácidos graxos são muito importantes para a saúde ocular. E aquela história de que comer cenoura faz bem para os olhos tem seu fundamento, mas há muitos outros alimentos que precisam fazer parte da sua rotina.3

Alimentos amarelos-alaranjados como milho, ovos, laranja, e cenoura, além daqueles com coloração verdes-escuros, como espinafre, couve, acelga e brócolis, são ricos em luteína e zeaxantina.3,4

Essas duas vitaminas têm capacidade únicas, a de atuarem como filtros para as radiações dos raios solares. Absorverem ainda a luz azul emitida principalmente por aparelhos eletrônicos, como smartphones, tablets e computadores, que pode ser muito nociva à saúde dos olhos. Esses nutrientes também têm função antioxidante, protegendo as células, neutralizando os radicais livres.3-6

Entre as vitaminas destacam-se ainda a vitamina A e o betacaroteno, uma substância carotenoide. Também com função antioxidante, auxiliam no combate ao estresse oxidativo, que é causado pelo excesso de radicais livres, podendo ocasionar o envelhecimento precoce das células.3

A luteína e zeaxantina são ainda mais especiais se considerarmos que o corpo humano não as produzem. 3,4

Ainda as vitaminas A, C e E são importante antioxidantes, já o papel da vitamina B2 é na produção de energia para as células, importante para a integridade da córnea. A hidratação do globo ocular é equilibrada pela vitamina A.7

O cobre e o zinco, são os principais componentes do grupo dos minerais para a saúde ocular. O primeiro atua na formação de colágeno – base do tecido conjuntivo -, e o segundo tem poder antioxidante.8

O cobre age ainda na formação da hemoglobina, que atua em todo o corpo, e é responsável que levar mais sangue aos tecidos dos olhos. Cacau em pó, aveia e brócolis são alguns alimentos fonte desse mineral.3,8

Carnes vermelhas, feijão, lentilha, amêndoa, amendoim, castanha do Pará e de caju, gérmen de trigo e carne de porco são alguns dos alimentos que contêm zinco, que ajuda ainda a aumentar a imunidade ocular e a proteger os olhos dos efeitos nocivos dos raios solares.3,8

Por fim, e não menos importantes, os ácidos graxos. Atuam principalmente na retina, protegendo a formação e transmissão do estímulo visual e agem também como um anti-inflamatório natural, mantendo o filme lacrimal hidratado e prevenindo os olhos secos.9

Os ácidos graxos ômega 3 e suas frações DHA e EPA são gorduras naturais e benéficas ao organismo, presentes principalmente em peixes de água fria, como atum, salmão e truta.9

Esses são apenas alguns exemplos da atuação desses nutrientes para a saúde ocular, tente imaginar como é isso para todo o corpo? Cuidar da alimentação tem reflexo direto na saúde do organismo, que por atuar de forma integrada, a deficiência de um nutriente pode impactar todo o conjunto.9

Com certeza a ida à feira ou ao mercado nunca mais será a mesma, ao conhecer e entender a importância dos alimentos para a saúde!

E se os alimentos não forem suficientes?

Nem sempre manter uma alimentação rica e variada, contendo todos esses grupos alimentares é tarefa fácil, seja pelo estilo de vida, gostos alimentares, facilidade de acesso a determinados alimentos ou mesmo não conseguir a quantidade necessária das vitaminas.

Para todos esses casos já existem suplementos voltados especificamente para a saúde ocular, que têm a função de suplementar e repor esses nutrientes fundamentais ao organismo.

O Vitalux® Ômega 3 da Alcon, cumpre bem essa função. Com apenas um comprimido, que deve ser tomado diariamente, é possível conseguir as quantidades necessárias de luteína e zeaxantina, zinco, cobre, ômega 3 e das vitaminas B2, C, E, que desempenham um papel importante na manutenção da saúde dos olhos.7

Consulte seu oftalmologista sobre a utilização e a necessidade desses suplementos para a sua saúde ocular!

Você já foi ao oftalmologista esse ano?

Alimentação adequada é importante, mas prevenção também! Qualquer alteração na saúde dos olhos um médico especialista deve ser consultado, por menor e mais simples que o problema possa parecer. Automedicação ou receitas caseiras podem agravar o problema ou ainda mascarar outros possíveis sintomas.

O ideal é visitar regularmente um oftalmologista, que poderá fazer os exames clínicos corretos para checar a saúde dos olhos e detectar ainda em estágio inicial sintomas de doenças oculares.

Muitas condições e doenças da visão evoluem de forma silenciosa e demoram a apresentar sintomas, podendo ocasionar danos permanentes à visão.6,7

Referências


1. American Academy of Ophthalmology. Diet and Nutrition. Disponível em: http://www.aao.org/eye-health/tips-prevention/diet-nutrition. Acesso em setembro de 2016.
2. Organização Mundial da Saúde (OMS). Blindness and Deafness. Disponível em: http://www.who.int/pbd/en/. Acesso em setembro de 2016.
3. Leça, Renato. Boa Alimentação é essencial para uma visão saudável.
4. Widomska J, Subczynski WK. J Clin Exp Ophthalmol. Why has Nature Chosen Lutein and Zeaxanthin to Protect the Retina? 2014 Feb 21;5(1):326.
5. DelcourtC, CarrièreI, DelageM et al. Plasma lutein and zeaxanthin and other carotenoids as modifiable risk factors for age-related maculopathy and cataract: The POLA study. Investigative Ophthalmology & Visual Science. June 2006, Vol.47,No.6.
6. SanGiovanni JP, Chew EY. The role of Omega 3 long-chain polyunsaturated fatty acids in health and disease of the retina. Progress in Retinal and Eye Research. January 2005,87-138. 6. Hyman L, Schachat A, He Q, et al. Hypertension, Cardiovascular Disease, and Age-Related Macular Degeneration. Arch Ophthalmol. 2000;117:351-358. ©2014 Novartis Fev/14
7. Alcon. Maintain Good Eye Health. Disponível em: https://www.alcon.com/stories/maintain-good-eye-health. Acesso em setembro de 2016.
8. Chew EY.JAMA Ophthalmol. Vitamins and minerals, for eyes only? 2014 Jun;132(6):665-6.
9. Said T, Tremblay-Mercier J, Berrougui H, Rat P, Khalil A. Effects of vegetable oils on biochemical and biophysical properties of membrane retinal pigment epithelium cells. Can J Physiol Pharmacol. 2013 Oct;91(10):812-7.